Lençois Maranhenses- Ma


IMG_0682.JPG

Os lençóis Maranhenses, situado no estado do Maranhão, com certeza é um dos cartões postais mais lindos do nosso Brasil, um lugar único no mundo, com uma beleza incomparável.

Para chegar até lá, ficamos um dia hospedados em São Luis do Maranhão no hotel Brisamar, muito bom!

 A cidade de São Luis infelizmente requer muitas precauções, ouvimos casos em que assaltantes invadiram um Hotel na cidade, então andar pela cidade a noite, nem em pensar! Se quiser conhecer o centro histórico, tente fazer durante o dia, e se tiver que sair à noite, prefira ir de taxi! Aliás jantar no Coco Bambu de lá é uma boa pedida, o restaurante é um dos maiores da rede que já fui, muito bonito e com a qualidade de frutos do mar que a gente já conhece, sempre impecável!

Para chegar até os lençóis Maranhenses, optamos fazer com uma empresa especializada, fizemos pela GI Conect, e não tivemos nenhuma dor de cabeça.

O trajeto de São Luis até Barreirinhas (cidade dos Lençois), dura aproximadamente 4hs, são 265 km com uma parada. Confesso que o trajeto é bem marcante, por que infelizmente vemos a tamanha desigualdade do nosso país, mas nós vemos, que mesmo as pessoas vivendo em situação de extrema pobreza, fazem de tudo para que o nosso passeio seja extremamente agradável.

Algo importante a se dizer, não pense em ir de ônibus! O ônibus faz várias paradas em algumas cidades, e conhecemos pessoas que foram assaltadas dentro do ônibus. Para conhecer lugares com tanta pobreza, precisamos ter algumas precauções para que o passeio não tenha um final desastroso.

Chegamos em Barreirinhas e fomos direito para o hotel, aliás o hotel foi uma excelente surpresa, ficamos na Pousada do Rio, lugar super aconchegante. Tinha piscina, o Rio preguiças ao fundo da Pousada, restaurante muito bom com peixes e frutos do mar no próprio hotel e muitas redes para descansar no final da tarde. Passamos somente um final de semana, então a minha vontade é de voltar, só para curtir um pouco mais dessa pousada tão aconchegante.

A caminhonete 4x4, conhecida pelos locais como Toyota,  que nos levaria até o parque dos Lençóis, passou na hora combinada, e lá fomos nós, atravessar o Rio Preguiças de balsa, e enfrentar uma verdadeira aventura no meio da areia para chegar até as Dunas e Lagoas.

Então ao chegar na entrada do parque dos Lençóis, os veículos ficam estacionados, e nós seguimos o trajeto a pé, prepare o folego, as pernas, por que serão muitas subidas e descidas para conhecer todos os lagos da região. Mas posso dizer que vale cada segundo! O lugar é incrível, parece um infinito de areia, com aquelas lagoas formadas pela água da chuva, com água limpinha e quente para se banhar e relaxar. Não se esqueça do chapéu e do protetor, o calor é intenso, e olha que fomos em um dia que o Sol nem estava tão forte!

São dezenas de lagoas espalhadas pelas dunas do parque, divididas entre os Grandes e Pequenos Lençóis. Há lagoas com água durante todo o ano para banhar e resfriar o corpo, mas a água das lagoas é decorrente da chuva, ou seja, é o acúmulo de água pluvial que emerge por entre as dunas, então o final do período chuvoso (julho) é o mais indicado para ver a beleza dos lençóis maranhenses em sua totalidade. Dizem que se você não for no final do período chuvoso, pode correr o risco de encontrar as lagoas secas.

Vimos o pôr do Sol sentados de frente para uma lagoa, todo mundo ali, sentado, quietinho, apreciando as belezas naturais que Deus nos deu!

No retorno, devido ao grande fluxo de 4x4, e as filas que se formam para atravessar a balsa do Rio Preguiças, os moradores fizeram vários Box, com venda de artesanato local e uma tapioca com café para finalizar o passeio.

A cidade de Barreirinhas é mais tranquila, então a noite fomos passear no centro, na Avenida Beira Lago, um lugar cheio de restaurantes, lojinhas, com música ao vivo. Vale muito a visita!

No outro dia acordamos cedo para continuar o passeio, pegamos uma lancha voadora (eles a chamam assim) e fomos passear no Rio Preguiças, o visual do Rio é incrível, eu nunca havia feito nada parecido, então valeu muito a pena. O passeio dura mais ou menos uma hora até a primeira parada.

E lá vamos nós conhecer mais dunas, lagos e paisagens de tirar o folego. Fizemos uma parada na comunidade de Mandacaru, onde tem o Farol das preguiças, que infelizmente estava fechado (passagem da tocha das Olimpíadas), mas quem tiver a oportunidade de subir no Farol, dizem que a vista de lá é maravilhosa. São 160 degraus há 35 de metros de altura.

E depois seguimos em direção a comunidade de Vassouras, lá você pode conhecer o artesanato local, conhecer os macaquinhos moradores da região, cuidado com os pertences, eles são terríveis! Mas você pode comprar banana para alimentá-los e tirar muitas fotos dos pequeninos. 

Lá também você pode aproveitar um pouco mais das dunas e lagoas, ou simplesmente ver o belo encontro do Rio com o Mar, caminhar na areia fofa da praia de Caburé, ou até fazer um passeio de quadrículo.

Almoçamos no único restaurante do pequeno vilarejo, e depois retornamos para Barreirinhas.

E já era a hora de voltar!!!!

Quem tiver mais tempo do que a gente, tente conhecer a pequena cidade de Atins, que também pode ser entrada para o parque dos Lençóis, e termine fazendo um passeio de Boia Cross pelo Rio Formiga, passeio que dura 1 hora, descendo o Rio, esse eu fiquei com muita vontade e fazer, mas acabou nosso tempo!

Se vale a pena conhecer os lençóis? Para mim, é um daqueles lugares que você deve colocar na sua lista do que fazer antes de morrer! É um verdadeiro aprendizado, por que não é só a beleza do local que encanta, mas a alegria e hospitalidade das pessoas, que vivem com tão pouco, mas mesmo assim sempre dispensam um sorriso para nós turistas.