Monte Verde- Minas Gerais


IMG_1912.JPG

Monte Verde está localizado no munícipio de Camanducaia em Minas Gerais, e é um lugar maravilhoso para se desligar da minha cidade que não para, São Paulo, e curtir um friozinho no alto da montanha.

Fica há 168 km de São Paulo, pela Rodovia Fernão Dias, está há 1554km de altitude, tem ótimos hotéis e pousadas, além de restaurantes muito bons também!

Ao contrário da badalada Campos do Jordão, é uma cidade muito tranquila, altamente recomendada para famílias e casais.

Das vezes que fomos para lá, ficamos no Hotel Meissner Hof, o hotel fica no alto da montanha, dispõe de piscinas aquecidas, quartos com lareira, chalés, um jardim lindo e bem cuidado e um restaurante excelente, todo de vidro com uma visão maravilhosa! Recomendo na alta temporada, época do friozinho, digo isso por que já fui no verão e confesso que deixou um pouco a desejar no atendimento! Mas é lindo!

A cidade possui uma única rua de comércio, que você consegue comprar queijos, doces, cachaças e aquelas delicias que só Minas Gerais tem! Alguns restaurantes com música ao vivo, e muitas opções para comer Foundue!

Ressalto um restaurante que fica na rua do aeroporto, que se chama Adega do Chicão, além do ambiente, a visão, tem uma berinjela à parmegiana divina!!!!

Em relação aos passeios, possui muitas trilhas e algumas aventuras para quem curte esportes radicais:

A pedra redonda é uma das trilhas mais populares de Monte Verde, das 4 "pedras" mais altas da cadeia de montanhas que adorna a cidade, é a de acesso mais fácil e rápido. Apenas no último trecho fica mais íngreme. Para acessar esta trilha, entre (de carro) na Av. das Montanhas e suba até o pé da trilha (bem sinalizada) onde há um estacionamento.

Pedra partida: Um pouco mais longe que a trilha da pedra redonda e com acesso pelo mesmo lugar, destaca-se por permitir nos dias mais abertos a visualização da Pedra do baú, localizada em Campos do Jordão.

Platô: No sentido oposto da trilha que vai para a pedra partida, esse passeio é um pouco mais longo do que o da pedra redonda, mas é igualmente fácil, uma vez que não têm partes muito íngremes. Fica também no meio da trilha de quem vai para o pico do selado, ponto mais alto de Monte Verde.

Chapéu do Bispo: No sentido oposto da trilha que vai para a pedra partida, ao lado direito você encontra a placa com a indicação, é uma trilha de nível fácil não muito íngreme.

Chegando ao pico vai avistar um conjunto de pedras que forma chapéu do bispo.

Pico do Selado: Trilha com percurso muito agradável e uma vista panorâmica de tirar o fôlego de nível avançado, ela começa em um bosque muito agradável, passa por locais belíssimos e chega a um platô de onde se tem um visual maravilhoso.

Fazenda Santa Cruz: Essa trilha dá acesso a umas das poucas e belas cachoeiras da região, essa trilha exige um pouco de esforço físico, mas tem a compensação da integração da natureza, paisagem e água.

De fácil acesso com exuberância que a queda d' agua tem com seu lago que forma um espelho da água com reflexo das pedras nas águas e um imenso bosque de área verde com vista para as pedras.

Queda d’água Gato de botas: De nível fácil essa trilha mantém lindos bosques com cascatinhas e pontes de madeira, para você sentar e relaxar e ouvir o som da natureza e da água.

Cachoeira dos pretos: Em contraste com a natureza a cachoeira possui uma queda d´água de 170 metros de altura. Em volto a reserva natural, com ponte de madeira e estrutura com restaurantes e lanchonetes.

Além das trilhas e o contato com a natureza, aproveite para descansar, relaxar, andar de quadrículo, cavalos e ter uma experiência maravilhosa e inesquecível! Passeio recomendadíssimo!